Subscreva a nossa Newsletter
Pesquisar
home > Manuais de Gestão > Planeamento e estratégia

Vantagens e desvantagens de contratar uma consultora

Índice

Introdução
Devo ou não contratar uma consultora?
Da decisão à acção
O que deve perguntar ao consultor antes de o contratar
Vantagens
Desvantagens e riscos
Custos versus benefícios
Como optimizar a presença de um consultor
Conclusão


Introdução

O clima de competitividade é cada vez maior. As empresas confrontam-se com a necessidade de reacção imediata aos novos desafios. Isso implica, muitas vezes, alterações na estrutura da própria empresa. Nessa altura, recorrer a uma consultora pode ser a forma mais rápida e eficiente de melhorar o seu negócio. Um caminho que pode parecer fácil, mas que tem também os seus riscos. Antes de decidir é preciso fazer uma avaliação interna e ter em mente as vantagens e desvantagens de contratar uma consultora.


Devo ou não contratar uma consultora?

Antes de decidir se uma consultora é a solução ideal para o seu problema, deve responder a uma série de questões que ajudam a clarificar as suas opções:


Da decisão à acção

Consciente dos problemas que a empresa enfrenta e da necessidade de recorrer à consultoria externa, prepare-se para ter um papel activo durante todo o desenrolar do processo.

Uma empresa não deve recorrer a uma consultora para se demitir das suas responsabilidades. Acontece que alguns gestores, ao não quererem assumir uma decisão ou a não quererem arriscar a sua reputação, optam por contratar serviços externos e descartam-se das suas responsabilidades.

A partir do momento em que uma empresa decide contratar uma consultora, sabe que quaisquer que sejam os resultados, estes devem ser partilhados.


O que deve perguntar ao consultor antes de o contratar

Antes de mais, a sua responsabilidade passa por garantir que a equipa de consultores que contrata reúne as competências adequadas à resolução do seu problema. Procure saber:


Vantagens

A experiência comprova que a presença de um consultor externo pode trazer os seguintes benefícios:


Desvantagens e riscos

Ao assumir a contratação de uma equipa externa, é necessário ter também em mente as dificuldades e riscos que pode enfrentar:


Custos versus benefícios

Para além de verificar se a equipa de consultoria corresponde às suas necessidades, é crucial certificar-se se o projecto é financeiramente viável para a empresa. Para isso, deve calcular o retorno do investimento e por frente a frente custos e benefícios.

O custo de um projecto de consultoria oscila entre as centenas e largos milhares de contos e não demora nunca menos que três meses.

O preço depende de quatro factores-chave: Nem sempre é fácil calcular o ratio custo/ benefício por isso o ideal é ser a consultora a determiná-la. A verdade, no entanto, é que são poucas a fazê-lo.


Como optimizar a presença de um consultor

Ainda assim, existem formas de tirar o máximo partido da presença de uma equipa de consultores na sua empresa. Para isso:


Conclusão

São muitos os casos em que a contratação de uma consultora acaba por ser uma história de insucesso. Não se deixe enganar com soluções fáceis, imediatas e que fazem variar o resultado final do montante que a sua empresa está disposta a pagar. Quando a esmola é grande, é mesmo caso para desconfiar.

Não deixe que os problemas que tem para resolver se avolumem. Contratar uma consultora quando os problemas já ganharam uma grande dimensão pode ser dinheiro deitado fora. As consultoras ajudam, mas não fazem milagres.

Tenha em mente que durante todo o processo é necessário acompanhamento e partilha de responsabilidades com a equipa de consultores. Afinal, quem tem de decidir é sempre a empresa e, para isso, deve estar a par de tudo o que se passa. Não espere que uma consultora seja a cura para uma série de problemas que só a própria empresa pode resolver.

Glossário Bibliografia Referências

Autor: Webtexto